Blog do Ruy Alberto - Notícia com impacto social

Morros inicia vacinação para crianças contra a COVID 19 na sede e na zona rural

A Prefeitura de Morros, através da Secretaria Municipal de Saúde, iniciou na última sexta-feira (21), a vacinação contra a Covid-19 para crianças de 05 a 11 anos e com comorbidades no Centro de Saúde Santana. A equipe de imunização do município preparou um ambiente especial para a vacinação com a presença do Zé Gotinha e uma sala totalmente decorada para que as crianças ficassem mais a vontade na hora da aplicação da dose.

Zona Rural

Durante o último fim de semana as equipes de imunização também levaram a vacina para as crianças da zona rural nos povoados, Zacarilândia, São Paulo, Bananeira e Jurema. A vacinação segue normalmente de segunda a sexta-feira com as equipes do Programa Saúde da Família que se deslocam para a zona rural e nos fins de semana com equipes extras.

O Prefeito de Morros afirmou que a vacina chegará para todas as crianças do município, mesmo aquelas que moram em localidades mais remotas. O município tem 217 povoados.

“Não mediremos esforços para imunizar nossas crianças onde quer que elas estejam. Temos uma equipe de imunização muito competente que já vem fazendo um excelente trabalho de imunização na zona rural e com o público infantil não será diferente. Quero parabenizar também o nosso secretário estadual da saúde, Carlos Lula, pela execução do plano estadual de imunização que está levando aos municípios o mais rápido possível estas vacinas”, destacou o Prefeito Paraíba.

Troca de comando no 13.º BPM em São José de Ribamar alimenta dúvidas sobre uso político da polícia

A troca de comando no Batalhão de Polícia Militar (13.º BPM), realizada no último dia 13 de janeiro, aumentou a preocupação sobre uma investida do ex-prefeito Luiz Fernando, atual secretário de Estado de Programas Estratégicos, com objetivo de usar a corporação da polícia politicamente.

Em um anúncio surpreendente, o secretário de Segurança Pública do Maranhão, delegado Jefferson Portela comunicou a saída do major PM Alexsandro Jorge Silva, sem explicar o motivo. Em seu lugar, assumiu o tenente-coronel PM Antônio Jorge de Araújo Júnior, titular da Secretaria Municipal de Transporte Coletivo, Trânsito e Defesa Social — SEMTRANS na gestão do então prefeito Luiz Fernando.

O uso político ficou mais evidente no último final de semana na cidade balneária, quando o oficial militar foi visto em um evento político e de comemoração ao aniversário de liderança conhecida como Rei do Sofá, que contou com as presenças do secretário adjunto de Articulação Institucional da SES, Tiago Fernandes; e do Secretário de Educação do Estado, Felipe Camarão. Ou seja, enquanto o município ribamarense clama por segurança, Coronel Araújo faz ‘papel de segurança particular’ de aliados políticos.

Segundo o blog apurou, a troca de comando teria sido um pedido pessoal de Luiz Fernando, coordenador da pré-campanha de Carlos Brandão, ao próprio chefe de estado.

A mudança, entretanto, deixa o cidadão a mercê da violência, mas, em contrapartida, garante a proteção particular de políticos aliados com uso da própria segurança pública. É dessa forma que Brandão quer continuar as ações positivas do governador Flávio Dino? Depois reclama quando sai atrás de Weverton nas pesquisas eleitorais.

Promotoria investiga farra de acúmulo de funções e ‘fantasmas’ em Cândido Mendes

O Ministério Público, através da Promotoria de Justiça de Cândido Mendes, está apurando possíveis irregularidades na gestão da Secretaria de Educação do Município, pasta que tem como titular Keile Regina Dias de Araújo, amiga e aliada do prefeito José Bonifácio Rocha (PL).

A denúncia feita por professores refere-se mais precisamente à servidora com acúmulo de funções na folha de pagamento do município, que recebem e não prestam serviço. E nessa situação encontram-se várias pessoas, uma delas é a primeira dama, Sofia de Sousa de Jesus. A esposa do prefeito é professora, recebe salário, mas não trabalha.

Segundo apurou o Blog, em Cândido Mendes muitos docentes da rede municipal também estão da rede estadual. O que acontece é que alguns privilegiados, com super salários, pagam alguém para desempenhar as atividades nas escolas estaduais e lecionam no município. Outros, parentes ou amigos do prefeito, não trabalham de jeito nenhum, mas recebem todo mês, como, por exemplo, o Lucivaldo Guimarães de Jesus, tio de Bonifácio. Outro que não exerce função alguma é Willame Sérgio Matos Tavares, marido de uma vereadora.

Para piorar, os professores reivindicam o abono que deveria ser pago com o rateio do Fundeb e nunca receberam até porque não deve haver sobras, pois a folha do município está bem cheia.

Também consta na denúncia encaminhada ao MP, a ausência de cumprimento da Lei que institui o plano de cargos, carreiras e salários dos servidores municipais do magistério o qual prevê que os coordenadores devem ser prioritariamente ocupantes de cargos efetivos e não contratados, como foi relatado ao Ministério Público. Este tem tirado o sono de muitos profissionais que cumprem com suas obrigações.

Diante de tantos desmandos, o Promotor de Justiça Francisco Hélio Porto Carvalho converteu, na última quarta-feira (19) a Notícia de Fato que narra tais irregularidades em Procedimento Administrativo pedindo providências cabíveis, inclusive no que diz respeito a possível ato de improbidade administrativa ou crime praticado pelos representados, que ainda não tiveram os nomes devidamente divulgados.

À Secretária Municipal de Educação de Cândido Mendes, o MP deve solicitar informações se um dos servidores ‘fantasmas’ identificado como Isaías Matos Silva, exerceu regularmente suas atividades como diretor de uma escola no 1.º semestre de 2021, e se ainda continua a exercê-las, devendo indicar em qual local o mesmo trabalha. Mas além dele, existem muitos outros.

O Ministério Público já determinou equipe e prazos de investigação. O prefeito, a primeira-dama e outros servidores que se cuidem.

Do Blog do Luís Cardoso

ENCONTRO PEDETISTA — Osmar Filho, Weverton e Erlanio debatem sobre um Maranhão mais feliz

Osmar recebeu a visita de Weverton e Erlanio

O presidente da Câmara Municipal de São Luís, Osmar Filho (PDT), recebeu a visita, nesta quarta-feira (19), dos companheiros de partido, senador Weverton Rocha e Erlanio Xavier, prefeito de Igarapé Grande e presidente da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem). O objetivo do encontro foi discutirem a melhor maneira de contribuir com o desenvolvimento do estado.

“Discutimos com frequência sobre o nosso estado e como contribuirmos na construção de um Maranhão mais desenvolvido e feliz”, disse o vereador. “Nada mais natural que nós, como integrantes de um partido historicamente focado no bem-estar social e municipalista por essência, nos preocupemos com os rumos do nosso estado”, complementou Osmar.

Na oportunidade, o vereador também conversou com Weverton e Erlanio — respectivamente, presidente e vice-presidente do PDT no Maranhão — sobre a convenção nacional do partido e a atual conjuntura política do estado, além das eleições deste ano.

Afastado pela justiça, Luciano Genésio agora pode ser cassado pela Câmara de Pinheiro

Prefeito, investigado pelo (Polícia Federal), teria contrariado a Lei Orgânica por uma série de irregularidades apontada pela Operação Irmandade

Foto divulgação

A criação da Comissão Especial de Investigação — CEI, tem por objetivo a investigação do prefeito Luciano Genésio (PP), pela Câmara Municipal, por conta das denúncias apresentadas pela Polícia Federal no âmbito da Operação Irmandade. Que apontou desvios de cerca de R$ 38 milhões do FUNDEB e FNS, praticados pelo prefeito e uma organização criminosa, que se comprovados pela CEI poderá ter como resultado a cassação do prefeito Luciano.

O pedido para abertura da CEI para investigar o prefeito foi realizado na última quinta-feira (13), pelo vereador Felipe de Chicão (MDB), que apontou base legal no §1º do artigo 77, da Lei Orgânica do município para abertura da Comissão Especial de Investigação. O vereador também pontuou no pedido a possibilidade da cassação do mandado do prefeito por meio do inciso x do artigo 78, da Lei Orgânica.

A opinião popular é favorável que os vereadores adotem medidas legais para apurar as possíveis irregularidades praticadas pelo prefeito afastado, Luciano, em um possível esquema criminoso praticado nos pregões 030/2018 e 016/2020, que lesaram os cofres públicos em R$ 38 milhões.

Hoje o ex-prefeito afastado, Luciano, detém a maioria absoluta dos vereadores como aliados, ao todo são 14 vereadores aliados e apenas 3 no campo da oposição, entretanto, a vontade popular pela aprovação da CEI para investigar o prefeito afastado é forte e ganha força a cada dia.

Realizam oposição a Luciano os vereadores:

  • Felipe de Chicão (MDB);
  • Riba do Bom Viver (PL) e;
  • Guto (PL).

Vereadores aliados do prefeito Luciano:

  • Elizeu de Tantan (PP);
  • Fabricia do Sindicato (PDT);
  • Zé Filho (PDT);
  • Lucas do Beiradão (PP);
  • Rubemar Ribeiro (PDT);
  • Albininho (PP);
  • Edmilson Silva (PDT);
  • Edinildo (PDT);
  • Willian Vieira da Tv (PP);
  • Sandro Lima (PDT);
  • Selma da Colonia (PP);
  • Herasmo Leite (PDT);
  • Alessandro Montenegro (PP);
  • Jaelson Araújo (PL).

Confira o pedido de criação da Comissão Especial de Investigação do Prefeito Luciano Genésio: